Segurança e higiene no trabalho

Segurança e higiene no trabalho (9)

%PM, %26 %677 %2017 %15:%Jan.

MANOBRADOR DE MÁQUINAS DE AGRÍCOLAS E FLORESTAIS

Esta formação responde à necessidade de cumprimento do art. 32º nº 1, do Decreto-Lei n.º 50/2005 de 25 de Fevereiro, segundo o qual “Os equipamentos de trabalhos automotores só podem ser conduzidos por trabalhadores devidamente habilitados.”

 

Conteúdos

Sensibilização em HST no local de Trabalho

 

%PM, %14 %544 %2016 %12:%Dez.

MANOBRADOR DE MÁQUINAS DE MOVIMENTAÇÃO DE TERRAS

Esta formação responde à necessidade de cumprimento do art. 32º nº 1, do Decreto-Lei n.º 50/2005 de 25 de Fevereiro, segundo o qual “Os equipamentos de trabalhos automotores só podem ser conduzidos por trabalhadores devidamente habilitados.”

 

Conteúdos

Legislação Aplicada – Coimas, inspeções e responsabilidades

Perigos e níveis de risco associados

Manutenção das máquinas de movimentação de terras

Plano de prevenção e regras de segurança aplicáveis

Prática

 

 

%PM, %14 %544 %2016 %12:%Dez.

MANOBRADOR DE GRUAS E EQUIPAMENTOS DE ELEVAÇÃO

Esta formação responde à necessidade de cumprimento do art. 32º nº 1, do Decreto-Lei n.º 50/2005 de 25 de Fevereiro, segundo o qual “Os equipamentos de trabalhos automotores só podem ser conduzidos por trabalhadores devidamente habilitados.”

 

Conteúdos

Requisitos legais

Tipos de gruas e equipamentos de elevação

Perigos e níveis de risco associados à atividade

Fatores de estabilidade e segurança na utilização gruas

Manutenção de uma grua

Técnicas de utilização de uma grua

Plano de prevenção e regras de segurança aplicáveis

 

 

%PM, %14 %544 %2016 %12:%Dez.

CONDUÇÃO DE EMPILHADORES

Esta formação responde à necessidade de cumprimento do art. 32º nº 1, do Decreto-Lei n.º 50/2005 de 25 de Fevereiro, segundo o qual “Os equipamentos de trabalhos automotores só podem ser conduzidos por trabalhadores devidamente habilitados.”

 

Conteúdos

Sensibilização para a formação em movimentação de cargas com empilhador e outros equipamentos de carga automática

Tipos de equipamentos e sua correcta utilização

Princípios gerais de segurança

Condução de máquinas de movimentação de cargas

Técnicas de manuseamento de empilhadores e outros equipamentos de carga automática

Acessórios para empilhadores – baterias e carregadores

Regras de Segurança

Identificação de riscos e prevenção de acidentes

Sinalização de segurança e de trânsito

Procedimentos de inspecção e manutenção 

Operações em caso de acidentes com Empilhadores Exercícios de condução de empilhadores, incluindo operações de carga, descarga, elevação, manobra e parqueamento

Exercícios de avaliação teórica e prática

 

 

%PM, %14 %544 %2016 %12:%Dez.

Técnico Superior de Segurança no Trabalho - B-learning

Pretende-se que no final do curso de formação, os formandos tenham adquirido as competências necessárias ao exercício da profissão de Técnico Superior de Segurança e Higiene do Trabalho, de acordo com o respectivo perfil profissional.

 

Conteúdos

Psicossociologia do trabalho 

Gestão das organizações 

Conceção e gestão da formação 

Estatísticas e fiabilidades aplicadas à SHST 

Legislação, regulamentos e normas de SHST 

Gestão da prevenção 

Segurança do trabalho 

Ergonomia 

Higiene do trabalho 

Avaliação de riscos profissionais 

Controlo de riscos profissionais 

Organização da emergência 

Socorrismo 

Técnicas de informação, de comunicação e de negociação 

Prática em Contexto de Trabalho

 

 

%PM, %14 %544 %2016 %12:%Dez.

Técnico Superior de Segurança no Trabalho

Pretende-se que no final do curso de formação, os formandos tenham adquirido as competências necessárias ao exercício da profissão de Técnico Superior de Segurança e Higiene do Trabalho, de acordo com o respectivo perfil profissional.

 

Conteúdos

Psicossociologia do trabalho 

Gestão das organizações 

Conceção e gestão da formação 

Estatísticas e fiabilidades aplicadas à SHST 

Legislação, regulamentos e normas de SHST 

Gestão da prevenção 

Segurança do trabalho 

Ergonomia 

Higiene do trabalho 

Avaliação de riscos profissionais 

Controlo de riscos profissionais 

Organização da emergência 

Socorrismo 

Técnicas de informação, de comunicação e de negociação 

Prática em Contexto de Trabalho

 

 

%PM, %14 %543 %2016 %12:%Dez.

MEDIDAS DE AUTOPROTEÇÃO

Pretende-se com esta formação que os elementos pertencentes à estrutura organizativa do plano de segurança conheçam os riscos existentes no seu trabalho, as medidas de prevenção de situações de emergência e, a sua função face aos cenários de emergência previstos, nomeadamente e mais especificamente incêndio.

 

Conteúdos

Módulo 1 – DL 220/2008, de 12 de Novembro orientado para as Medidas de Autoproteção Responsável de segurança

    Utilizações-tipo

    Categorias de risco

    Locais de risco

    Critérios para a determinação da densidade de carga de incêndio modificada

 

Módulo 2 - Portaria n.º 1532/2008, de 29 de Dezembro orientada para as medidas de Autoproteção Registos de segurança;

    Procedimentos de prevenção e plano de prevenção

    Plantas de prevenção

    Procedimentos de emergência e plano de emergência interno

    Plantas de emergência

 

%PM, %14 %543 %2016 %12:%Dez.

AUDITORIAS INTERNAS DE SEGURANÇA DO TRABALHO

Promover, desenvolver e aperfeiçoar conhecimentos sobre procedimentos técnicos e ou/ comportamentais acerca da auditoria de Higiene e Segurança no Trabalho

 

Conteúdos

Módulo 1 - Quadro normativo da prevenção de riscos profissionais e prescrições mínimas de Higiene e Segurança no Trabalho 

 

Módulo 2 - Legislação relativa a agentes químicos e físicos

 

Módulo 3- Legislação relativa a locais de trabalho, equipamentos de protecção individual, movimentação manual de cargas, sinalização de segurança, acidentes e doenças profissionais

 

Módulo 4 – Requisitos da norma OHSAS 18000

 

Módulo 5 - Objetivos das auditorias e responsabilidades 

5.1 - Objetivos das auditorias;

5.2- Tarefas e responsabilidades dos auditores e dos auditados

 

Módulo 6 – Fases de realização de uma Auditoria

    - Desencadeamento da auditoria;

    - Preparação da auditoria;

    - Execução da auditoria;

    - Documentos da auditoria.

 

%PM, %14 %543 %2016 %12:%Dez.

PLANO DE EMERGÊNCIA

Dotar os formandos de competências em planeamento da emergência

 

Conteúdos

Aplicar técnicas de primeira intervenção em socorrismo.Reconhecer os procedimentos estabelecidos nos planos de emergência

Sobre a Mutação

Mutação tem como objeto social a consultoria, a formação profissional, a realização de projetos de investimento, o arrendamento de salas de formação e aluguer de material didático. É uma empresa certificada pela DGERT, em 39 Áreas de Formação, garantindo desde mecanismos de qualidade e abrangência na sua atividade.

Morada

Rua Miguel Bombarda, n.º 79 - 3080-159 Figueira da Foz

Telefone: 233 942 205

Fax: 233 094 025

Telemóvel: 910 122 380

E-mail: geral@mutacao.pt

Website: www.mutacao.pt

© 2018 Mutação. Todos os direitos reservados. Designed By Jcanão

Pesquisar